Blog


Quais as vantagens e como tornar uma casa mais sustentável?

22 de fevereiro de 2019

A sustentabilidade é um conceito que tem tomado cada vez mais o espaço social e já é comum encontrar empresas que utilizam e promovem ações sustentáveis como parte de sua identidade. Agora, a consciência ambiental também está levando as pessoas a procurarem soluções para fazer sua casa sustentável. 

Mais que uma onda passageira, a sustentabilidade é uma necessidade real para que as gerações futuras consigam usufruir dos recursos naturais, além de ser o único meio possível para a continuar a convivência junto aos outros seres com os quais dividimos o planeta. 

Se você está pensando que ter uma casa sustentável é um projeto inacessível, que envolve grandes gastos, está equivocado. Na verdade, a sustentabilidade permite utilizar de forma mais eficiente os recursos naturais e energéticos, o que, ao final, vai trazer uma redução considerável dos custos. Se você ficou interessado e quer aplicar algumas técnicas para tornar sua casa mais sustentável, preparamos este post para você. Confira!

O que é uma casa sustentável? 

Para uma casa ser considerada completamente sustentável, é preciso que ela atenda a uma série de exigências técnicas, que começam com os materiais usados para sua construção. É importante saber que sustentabilidade envolve mais que apenas economizar água ou reciclar o lixo: tem a ver com repensar toda a concepção da moradia. 

Todavia, isso não impede que você consiga tornar sua casa mais sustentável tomando medidas para minimizar o impacto de sua residência como um todo e no ambiente ao redor. Mais adiante falaremos em específico sobre essas dicas, com medidas que resultam em menos consumo de energia e recursos, sem agredir o ambiente no processo de implementação.

Quais as vantagens de uma casa sustentável? 

A vantagem principal de se ter uma casa sustentável é o fim em si mesmo: causar menos impacto no ambiente permitindo às gerações futuras usufruir de seus recursos e ter uma melhor convivência com o planeta. Entretanto, esse está longe de ser o único benefício.

Em curto prazo, a vantagem mais sentida é a redução do custo de vida. Como muitas das medidas sustentáveis envolvem diminuir o consumo, consequentemente, as despesas que viriam desse consumo também são reduzidas.

As reduções nas contas de água e luz são as mais visíveis, mas, com o tempo, é possível refrear também os gastos com alimentação e até mesmo bens mais duráveis. Além disso, como consequência das medidas tomadas para tornar a casa sustentável, o espaço se torna mais agradável e relaxante, aumentando sua qualidade de vida.

Uma vez que a sustentabilidade se tornou um ponto positivo, um imóvel sustentável também é muito mais valorizado no mercado, então, em longo prazo, torna-se ainda mais vantajoso investir em uma casa desse tipo.

Agora que você já sabe o que é e por que investir em sustentabilidade na sua casa, vamos desmistificar a questão de esse ser um investimento alto ou impossível de se realizar em uma residência. 

Como tornar sua casa sustentável? 

Para se ter uma casa sustentável, a primeira coisa que precisa ser feita é se conscientizar e se comprometer a fazer algumas mudanças no seu estilo de vida, bem como modificações no funcionamento de sua casa. No início, pode ser um pouco trabalhoso e demandar um pequeno investimento. Mas como já vimos, os benefícios mais do que compensam o trabalho. Para ajudar a começar, separamos alguns tópicos fundamentais. 

Economia de energia e água 

Economizar energia e água por si só não torna a casa sustentável, mas é um primeiro passo que deve ser aplicado quase imediatamente. Trocar as lâmpadas incandescentes por lâmpadas fluorescentes ou de LED, não deixar os eletrônicos em stand by e reduzir a duração do banho, principalmente em períodos de pico, já produz um impacto positivo nas contas mensais. 

Para um impacto mais abrangente, é possível pensar em trocar as descargas comuns pelas de reservatório e dupla ativação, reduzindo o gasto com água. Também dá para aumentar as janelas, permitindo que entre mais luz natural e maior circulação de ar, economizando energia elétrica. 

Reutilização da água e captação das chuvas 

Normalmente, as práticas domésticas que mais gastam água, como descargas e lavagem — de roupa, carros e áreas externas —, também são aquelas em que não é necessário que a água utilizada seja potável. Assim, é possível contar com fontes alternativas para tais atividades. 

Por exemplo, é possível utilizar a água usada para as pias ou nas máquinas de lavar. Em regiões com muita chuva, no caso, é possível construir uma cisterna para se captar a água das calhas, reduzindo ainda mais o consumo mensal. 

Uso de energias renováveis 

Com o avanço da tecnologia e o barateamento da produção, os painéis solares se tornaram uma opção viável para a produção de energia elétrica. É possível também utilizar os raios solares para aquecer diretamente a água para os banhos. Depois dessa implementação, a redução das despesas com a conta de luz é significativa. 

Reforma sustentável 

Não adianta muita coisa tornar sua casa mais sustentável se a própria reforma gerar um efeito negativo no ambiente. Isso porque o entulho de obras é um problema, assim como a compra de mais materiais para substituir o que foi descartado. 

Reutilizar ao máximo os materiais, como revestimentos em madeira e azulejos, atenua os dois lados do problema. Usar produtos e tecnologias de construção renováveis sempre que possível também reduz o impacto da obra e influencia o espaço quando pronto. 

Móveis sustentáveis 

Não só materiais de construção que devem ser reutilizados. A mobília feita com madeira de demolição, por exemplo, hoje é artigo de luxo e pode contribuir para o fim do desmatamento. Para evitar incorrer nesses problemas, é interessante também reformar e dar um novo propósito a móveis antigos. 

Caso esteja montando um lar do zero e não tenha nenhum móvel de herança, ainda é possível encontrar boas opções em lojas de usados, como brechós e antiquários. Mesmo aqueles mais antigos podem encontrar um lugar no seu lar por meio de pequenas modificações, seja com uma nova mão de tinta ou novo acabamento. Esse tipo de móvel também é capaz de trazer um ar despojado e personalizado ao ambiente. 

Reciclagem de lixo 

O lixo doméstico é um problema que ainda estamos longe de resolver. Fazer a separação dos resíduos para a reciclagem costuma exigir trabalho e um pouco de tempo antes de se tornar uma ação natural, mas tem um papel fundamental na diminuição da poluição. 

Contudo, mais eficiente que a reciclagem é a diminuição da quantidade de lixo. Utilizar sacolas reutilizáveis ao ir ao supermercado e comprar produtos a granel, por exemplo, reduz a quantidade de plásticos descartados, um dos materiais que mais demora a se decompor. 

Quando o assunto é lixo orgânico, tudo fica ainda mais fácil, pois ele pode ser colocado em uma composteira e transformado em adubo. Com o insumo, você tem a possibilidade de criar uma horta caseira e otimizar até mesmo a qualidade da alimentação.

Cultivo de áreas verdes 

Por falar em horta orgânica, uma moradia sustentável sem uma área verde não é verdadeiramente um lar sustentável. Você sabia que as plantas melhoram a qualidade do ar e diminuem a poluição térmica e sonora do ambiente? Além disso, ao se plantar verduras, legumes e frutas, como já foi dito, abre espaço para uma alimentação mais saudável, livre de agrotóxicos e sem os impactos negativos do transporte. Mesmo em um apartamento, é possível implementar uma horta vertical com sol suficiente. 

Como podemos ver, ter uma casa sustentável é fácil e existem inúmeras vantagens, tanto no curto quanto no longo prazo. Por meio de um pequeno investimento, somado a simples atitudes, o planeta e o seu bolso agradecem. 

Já que a sustentabilidade é uma missão que afeta a todos, aproveite para compartilhar este artigo em suas redes sociais. Assim, seus amigos compreendem o quão fácil é fazer sua parte!

Powered by Rock Convert

QUER FICAR SEMPRE INFORMADO ? CADASTRE-SE

Entre em contato
com a gente
>
Pelo WhatsApp

(62) 99444-4279

Prontos para te atender!

Pelo telefone

(62) 3941-1500

Ligue pra nós

Nos envie um e-mail!

Clique e fale com a gente

Agende com um consultor

Escolha o melhor local e horário

Relacionamento com cliente

62 99972-6816

Também via WhatsApp!

Chat

Reunião